Bem-vindo(a). Hoje é Guarantã do Norte - MT

Entre os dias 04 e 10 de março, os 50 melhores remadores do Brasil irão participar de duas importantes competições no Estádio da modalidade na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro. As disputas serão o torneio classificatório à Olimpíada e à Paralimpíada de Tóquio, entre os dias de 04 a 06, e o Sul-Americano de Remo. Serão 526 remadores em 14 provas (sete masculinas e sete femininas) nas raias japonesas. Até lá, o calendário que se inicia no Rio este ano terá ainda qualificações em maio: em Lucerna, na Suíça e em Gavirate, na Itália, para os paralímpicos. Pelas regras olímpicas, cada país só pode inscrever um barco por categoria.

O Pré-Olímpico do Brasil reabre as competições depois de um ano de paralisações por conta da pandemia do coronavírus (covid-19). As provas foram adiadas três vezes e para este evento foi criado um protocolo especial e muito rigoroso de segurança para evitar o contágio. A competição ocorrerá sem a presença do público e será dividido em quatro categorias no classificatório olímpico: Individual Masculino – Single Skiff com o atleta Lucas Verthein Ferreira, Individual Feminino – Single Skiff com Beatriz Tavarez Cardoso, Dupla Masculina – Double Skiff Peso Leve com Evaldo Mathias Becker Morais e Emanuel Dantas Borges, e Dupla Feminina – Double Skiff Peso Leve com Vanessa Cozzi de Castro e Isabelle Falck Camargos. Na qualificatório à Paralimpíada, o Brasil não terá representantes.

A competição será a volta do circuito mundial interrompido desde 2019, quando ocorreram o Campeonato Mundial da Áustria e o Pré-Olímpico da África. Aquelas provas garantiram vagas antecipadas, cumprindo o cronograma que culminaria nos Jogos Olímpicos em 2020. A etapa continental Ásia e Oceania, marcada para Chungju, na Coreia, mas transferida para Toquio no mesmo local das provas olímpicas (Sea Forest Waterway) entre os dias 5 e 7 de maio. A data limite para a definição de todos classificados é 07 de junho. O Sul-Americano, durante os dias 9 e 10, também sem público, terá finais das 09h às 12h.

As duas competições serão transmitidas ao vivo pelo canal de streaming do Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

Por Juliano Justo - Repórter da Tv Brasil e da Rádio Nacional 

Marcadores:

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.