Bem-vindo(a). Hoje é Guarantã do Norte - MT

O governo federal destinou 24 mil cestas básicas para atender indígenas em situação de vulnerabilidade no estado de Mato Grosso
Solenidade de entrega das cestas básicas para as comunidades indígenas de Mato Grosso
O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL), nesta quinta-feira (28), em Rondonópolis (MT), marcou presença na cerimônia de entrega de 24 mil cestas básicas – o que totaliza 528 toneladas - para atender 12 mil famílias indígenas de 43 etnias do estado de Mato Grosso. A ação foi uma iniciativa do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos do governo federal que fez aquisição com recursos próprios dos mantimentos pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

A entrega das cestas e a articulação com lideranças indígenas contará com o apoio de seis unidades descentralizadas da Fundação Nacional do Índio (Funai) de Mato Grosso. De acordo com a ministra do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, a entrega dos mantimentos para as comunidades indígenas é o maior evento do governo Bolsonaro por cuidar de vidas. “Este é o governo que ama índios de verdade. Não é para fazer politicagem com índio e sempre deixaram o índio na miséria. É assim que estamos cuidando de índio, matando a fome”, explana.

“É preciso ter este olhar e essa sensibilidade com as comunidades indígenas, ainda mais neste período da pandemia de Covid-19. Imagina para aqueles que estão em situação de vulnerabilidade. É preciso dar atenção e buscar meios para que a fome não se instale nas aldeias indígenas. Parabenizo o governo Bolsonaro e a ministra Damares pela atenção dada ao nosso estado de Mato Grosso e para a nossa população indígena”, destaca Delegado Claudinei.

Cestas básicas

Em Mato Grosso, a Funai conta com seis coordenações regionais instaladas nos municípios de Cuiabá, Colíder, Juína, Ribeirão Cascalheira, Barra do Garças e Canarana. Conforme o presidente da Funai, Marcelo Xavier, essa iniciativa da entrega de cestas básicas para os índios é uma das soluções encontradas pelo governo federal para atender a comunidade tradicional.

Na solenidade, ele apresentou importantes dados sobre o trabalho dos últimos trinta dias, realizados pelo governo federal quanto às questões indígenas neste período da pandemia de Covid-19. “Em recursos emergenciais recebidos pela Funai, somente no estado de Mato Grosso, já foram disponibilizados cerca de R$ 1,2 milhão. Tanto que foram adquiridas aproximadamente 6,5 mil cestas básicas para atendimento de famílias indígenas em situação de vulnerabilidade”, explica.

Xavier conta que em nível nacional, já foi contabilizado a entrega de aproximadamente 70 mil cestas básicas e de cerca de 30 mil kits de higiene pessoal para distribuição em todo o país. “Em termos de doação, foram recebidas 32 mil cestas básicas. Em Mato Grosso, foram 3.650 e, agora, recebe essa doação formal de um termo de execução decentralizada firmada entre o Ministério de Direitos Humanos, Ministério da Agricultura, Conab e Funai com 24 mil cestas básicas”, reforça o presidente.

Por todo o país, o governo federal vai distribuir quase 310 mil cestas de alimentos para os povos em situação de vulnerabilidade social, com o objetivo de garantir a segurança alimentar destas comunidades tradicionais e diminuir os impactos do novo coronavírus. A ação de entrega será realizada pelas equipes descentralizadas da Funai, com suporte logístico do Ministério da Defesa e a Secretaria de Saúde Especial Indígena (Sesai) que fará a higienização dos itens entregues. 

Máscaras – Na solenidade de entrega das cestas básicas, foi formalizada a entrega de cerca de 200 mil máscaras que foram viabilizadas por um grupo de empresários para a devida distribuição para a população. Essa iniciativa faz parte do projeto denominado de “Máscara para o Próximo” – que despertou a atenção do programa Pátria Voluntária que é uma iniciativa do governo federal, liderada pela primeira dama, Michelle Bolsonaro. 

Também, outro projeto que se aliou ao Pátria Voluntária foi o “Um milhão de máscaras” que contribui na missão de proteger vidas. Sem contar que cerca de 20 mil sabonetes serão distribuídos, em Rondonópolis, por meio do programa que foi criado através do Decreto de n.º 9.906/2019 , assinado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro. 

Dentre as autoridades presentes no evento, marcaram presença o prefeito de Rondonópolis, José Carlos do Pátio (Solidariedade), diretor presidente da Conab, Guilherme Barros, senadores Wellington Fagundes (PL) e Carlos Fávaro (PSD), deputado federal José Medeiros (Podemos), secretário Especial de Saúde Indígena, Robson da Silva, secretária Executiva do Pátria Voluntária, Adriana Pinheiro (representando a primeira dama, Michelle Bolsonaro), secretária Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Sandra Terena, secretária de Assistência Social e Cidadania de Mato Grosso (Setasc – MT), Rosamaria de Carvalho e a inspetora Iara, representando a Superintendência da Polícia Rodoviária Federal de Mato Grosso (PRF - MT).


Informações:
Samantha dos Anjos – Assessoria de Imprensa

Deputado Delegado Claudinei e Ministra Damares participam de evento em Rondonópolis

Marcadores:

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.