Bem-vindo(a). Hoje é Guarantã do Norte - MT

O chefe da Defesa Civil, Jackson Graia e o engenheiro da prefeitura de Peixoto de Azevedo (197 quilômetros de Sinop), André Mochi, fizeram, ontem à tarde, um levantamento dos estragos causados pelas intensas chuvas dos últimos dias no município.
Foram vistoriadas residências que ficam próximo ao córrego das Lavadeiras, que transbordou em alguns pontos em virtude do volume de água das  chuvas que caíram nos últimos dias. Os moradores registraram o momento que a ponte que dá acesso aos bairros Nova Esperança e Centro Antigo foi inundada pela forte correnteza.
Uma caminhonete da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA) por pouco não ficou submersa. O motorista e amigos até tentaram retirá-la do local mas não conseguiram. Algumas ruas e avenidas no centro da cidade também foram alagadas.
Ontem, o prefeito Maurício Ferreira (PSDB) decretou situação de emergência devido aos estragos causados nas pontes, estradas vicinais e residências devido as fortes chuvas nos últimos dias na região. De acordo com a assessoria, agora está sendo aguardada um equipe da Defesa Civil Estadual que estará auxiliando e homologando o documento.
Na última quarta-feira, servidores da secretaria de Transportes e Obras iniciaram os reparos emergenciais em vários trechos das estradas na região União do Norte, que é distrito de Peixoto. Foram recuperados alguns pontos com atoleiros no Travessão 00.
Também foram feitos reparos em pontes que possibilitam acesso aos moradores das comunidades próximas.
Redação Só Notícias (fotos: assessoria)
Marcadores:

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.