Bem-vindo(a). Hoje é Guarantã do Norte - MT

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) confirmou, ao Só Notícias, que as balanças portáteis estáticas e móveis dinâmicas implantadas na BR-163, em Guarantã do Norte (233 quilômetros de Sinop) de março até novembro fiscalizaram 3.618 veículos. Desses, 1.420 foram autuados com excesso de peso. Não foi divulgado o valor arrecado com as autuações.
O equipamento foi instalado em março. Seis profissionais operam os equipamentos e sistemas associados capazes de aferir o excesso de peso nos veículos de carga, que são provados e homologados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). Além de coibir o excesso de carga, os equipamentos têm como objetivo redução de acidentes, aumento da segurança no tráfego e diminuição nos danos do pavimento.
A balança móvel foi colocada para evitar o tráfego de carretas e caminhões com excesso de peso das cargas sentido Miritituba, no Pará, onde descarregam a soja e milho produzidos em Mato Grosso e que são exportadas. Mesmo com a conclusão da rodovia no estado paraense, o equipamento será mantido.
Conforme Só Notícias já informou, a pavimentação que faltava para interligar os municípios de Novo Progresso até Miritituba (ambos no Pará), na rodovia federal, já foi finalizada, no mês passado. A obra foi feita em parceria com o Exército Brasileiro e está prevista para ser entregue pelo presidente da república, Jair Bolsonaro, no próximo mês. A data ainda não foi definida.
Só Notícias/Cleber Romero (foto: assessoria/arquivo)
Marcadores:

Postar um comentário

  1. Juntando o excesso de peso e a qualidade do asfalto, resulta em panelas e buracos pronto para criação de peixe.

    ResponderExcluir

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.