Publicidade 1

A APAE DE GUARANTA PELA QUINTA VEZ SE DESTACA NO PROGRAMA NOTA MT.

Até o quinto sorteio, 110 entidades foram indicadas pelos premiados no sorteio
Vívian Lessa e Quéren-Hapuke Setasc/MT

A premiação do Nota MT, programa instituído pelo Governo de Mato Grosso incentivando os contribuintes a pedir para colocar o CPF na nota fiscal, beneficiou 110 entidades de 44 municípios de Mato Grosso. As instituições foram indicadas pelos contribuintes premiados em todos os sorteios já realizados pelo programa desde junho deste ano, quandofoi lançado. No total, foram pagos R$ 490 mil em prêmios somente para as entidades.
No quinto sorteio da Nota MT, realizado na manha desta quinta-feira (14.11), nove entidades receberam um cheque simbólico com os valores já pagos. A secretária adjunta de Assistência Social, Rosineide Porcionato, que na ocasião representava a secretária da Setasc, Rosamaria Carvalho, explicou que as entidades podem se cadastrar junto a Secretaria para participar da Nota MT e das ações sociais realizadas pela pasta. “Os contribuintes escolhem a entidade que deseja contemplar. Caso seja premiado, a entidade receberá 20% do valor do prêmio, por exemplo, a pessoa sorteada receberá R$ 500 e a entidade indicada outros R$ 100”.  Atualmente há mais de 140 instituições cadastradas em nosso banco de dados.
A Associação de Amigos da Criança com Câncer de Mato Grosso (ACCC), entidade mais indicada pelos sorteados, receberá R$ 125,4 mil no total. O presidente da Associação, Benildes Firmo, destacou a importância da iniciativa. “Estamos felizes por participar desse projeto. Este recurso vem a fortalecer o atendimento da instituição as nossas crianças e adolescentes com câncer. Queremos externar ao Governo de Mato Grosso a nossa mais profunda gratidão, por essa iniciativa de inserir as nossas instituições neste projeto. Esperamos que a sociedade cada vez mais sinta a necessidade de colaborar a sociedade mato-grossense”, acrescentou.


Um intenso trabalho de conscientização para adesão ao Nota MT foi realizado em Guarantã do Norte, que tem resultado em muitas indicações  da Apae do município. A entidade receberá R$ 7,5 mil reais. Conforme a voluntária da Apae, Margareth Torres, o esforço realizado na cidade fez aumentar o número de ganhadores. Segundo ela, no primeiro sorteio dez pessoas foram contempladas com prêmios no valor de R$500 e uma no valor de R$ 10 mil. As onze pessoas indicaram a instituição que recebeu um total de R$ 5,8 mil em prêmios.
“Essa contribuição que recebemos da nota MT foi muito bem-vinda. A Apae é uma instituição que vive de doações e infelizmente com a situação em que todos estão é complicado angariar recursos. Com o valor que recebemos reformamos toda área de lazer para os pequenos, fizemos um espaço de refeição buscando um ambiente agradável. A divulgação foi feita de porta em porta em cada comércio, buscando a parceria de todos”.
Em Rondonópolis, uma das entidades mais indicadas é a Associação Rondonopolitana de Deficientes Visuais. O presidente da insituição, Élcio Viera de Souza, falou sobre a importância da iniciativa para a entidade que atualmente atende 127 pessoas com deficiência visual. “Esse evento foi de grande valia viemos a primeira vez receber esse prêmio que ajudará com certeza vai fazer a diferença, principalmente agora no final do ano que tem tantas coisas, como a manutenção da instituição”, pontuou.
Para a presidente da Associação Mato-grossense de Pesquisa e Apoio a Adoção, (Ampara) Lindacir Rocha Bernardon, o projeto é a oportunidade da prática do social e a iniciativa vem de encontro para atender as necessidades das entidades. “Somos uma associação sem fins lucrativos e conseguimos nos manter através de doações. Estávamos passando por tanto apuro que esse dinheiro veio em uma boa hora”.
Meta
A meta do Programa Nota MT é que até o final do ano o valor de distribuição alcance 1,5 milhão, com 250 mil cadastros. De acordo com o secretário de Estado de Fazenda, Rogério Gallo, o programa já tem 206 mil pessoas cadastradas. O próximo sorteio está previsto para o mês de dezembro, no município de Cáceres, na região Oeste de Mato grsso. “O engajamento é muito importante para fazer a difusão da disseminação da conscientização da necessidade de se cadastrar e pedir a nota fiscal, para que esta se reverta em as ações tão nobres que ajudam o próximo”.
Cadastro das entidades
Para participar do programa, as entidades precisam estar cadastradas no banco de dados da Setasc. Este cadastro também permitirá as entidades acesso a outros projetos, programas do governo, doação de produtos, entre outros. No cadastro, as entidades precisam informar os nomes dos presidentes ou responsáveis, telefones, e-mails e público-alvo, como instituições que atendam majoritariamente pessoas em vulnerabilidade social, indígenas e quilombolas, por exemplo.
As instituições e/ou associações interessadas em fazer parte do banco de dados, ou atualizar informações, devem mandar um e-mail para o endereço: gabinetesac@setasc.mt.gov.br/ colocar no título “Atualização Cadastral – Nome da entidade” ou acessar a página virtual da Setasc.
Outras duas opções: ligar no telefone (65) 3613-4705 ou ainda procurar a Secretaria, no setor Cidadania e Inclusão Socioprodutiva, e atualizar pessoalmente. O endereço da Setasc é Rua Júlio Domingos de Campos, nº 100, Centro Político Administrativo (CPA), em Cuiabá.
Compartilhar no Google Plus
    Comentar com o Site
    Comentar com o Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Copyright © Roteiro Notícias - Guarantã do Norte e Região
Rua Natal, 550 – Jardim Vitória – Guarantã do Norte - MT
Email: celioroteiro2009@hotmail.com - Fone: (66) 9604 - 2681
Todo material deste site pode ser reproduzido ou editado desde que citada a fonte: Roteiro Notícias
WEBSITE DESENVOLVIDO POR:

Tenha um site!