Publicidade 1
Publicidade 1

Fluminense 1 x 1 Bahia - Tricolor sofre, mas empata no Maracanã

Edigar Junio marcou com apenas dois minutos, mas Gustavo Scarpa deixou tudo igual ainda no primeiro.


Por Agência Futebol Interior
Rio de Janeiro, RJ, 29 (AFI) - O Fluminense não conseguiu se impor dentro do Maracanã e ficou apenas no empate por 1 a 1 com o Bahia nesta 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado no Rio de Janeiro atrapalhou os planos de Abel Braga, que segue ameaçado pela zona de rebaixamento. Com a bola rolando, Edigar Junio marcou com apenas dois minutos, mas Gustavo Scarpa deixou tudo igual ainda no primeiro. Ele aproveitou para protestar contra a torcida, que vaiava o time.
Com 39 pontos, o Fluminense ainda mantém o discurso de alcançar os pontos necessários para se safar da degola, mas tem pela frente uma sequência complicada na competição: Botafogo, Coritiba, Cruzeiro e Corinthians. O Bahia também tem 39 pontos, mas uma vitória a mais que os cariocas: dez para os baianos, contra nove do adversário.
EMOCIONANTE
O Bahia precisou de apenas dois minutos para abrir o placar. Em uma linda jogada de Zé Rafael, o meia dominou de costas para a marcação, cortou para o meio, deixou três jogadores para trás, entrou em velocidade e sairia cara a cara com Diego Cavalieri, mas acabou derrubado por Richard.
Acompanhando a jogada, Edigar Junio pegou a sobra e, de primeira, tocou por cima do goleiro com a perna direita, colocando a pressão do lado do Fluminense.
Fluminense e Bahia fizeram jogo pegado (Foto: Mailson Santana / Fluminense)
Fluminense e Bahia fizeram jogo pegado (Foto: Mailson Santana / Fluminense)
Vindo de derrotas para Chapecoense e Flamengo, a torcida do Fluminense não demorou para começar a vaiar o time, mesmo com a notória superioridade do time em campo – que até então não se convertia no placar.
Os cariocas ficavam com a bola, trocavam passes na metade ofensiva do gramado, mas não conseguiam transformar tudo isso em bola no fundo das redes. Do outro lado, o Bahia respondia em raros contra-ataques, também sem perigo.
Com espaço para trabalhar, o Fluminense conseguiu empatar o jogo somente aos 32 minutos. Marlon recebeu pela esquerda, chegou no bico da grande área e tentou cruzar para a área, mas pegou mal. Rasteira, ela atravessou toda a defesa do Bahia e caiu nos pés de Gustavo Scarpa, que dominou, cortou a marcação e bateu cruzado contra o goleiro Jean. O meia não comemorou o gol em protesto pelas vaias da torcida e saiu de campo bravo.
BRONCA
Na descida para o vestiário Scarpa desabafou: “Torcedor tem o direito de vaiar. Mas infelizmente durante a partida isso não ajuda. Pelo contrário. A nossa situação é complicada, nosso grupo é jovem. Foram dez minutos diferentes do que a gente está acostumado". Abel Braga aproveitou o intervalo para tirar Marcos Júnior e apostar em Wellington Silva.
JOGO MORNO
A primeira oportunidade do segundo tempo aconteceu aos 10 minutos de bola rolando. Tiago derrubou Henrique Dourado na intermediária e o árbitro assinalou a falta. Na cobrança, Sornoza calibrou o pé e mandou por cima da barreira, mas o goleiro Jean voou para espalmar. Em resposta, Matheus Sales recebeu pela direita e bateu cruzado. Hernanes se esticou todo, mas perdeu o tempo de bola e a oportunidade de marcar para o Bahia.
Em uma jogada individual praticamente na bandeirinha de escanteio, Matheus Sales perdeu a bola para Marlon e tentou correr atrás do prejuízo para retomar a posse. Ainda assim, o volante do Bahia errou o tempo da bola e deu um carrinho por trás no adversário. O árbitro Wilton Pereira Sampaio acompanhava de perto e aplicou o cartão vermelho aos 40 minutos, aumentando a pressão do Fluminense nos minutos finais.
PRÓXIMOS JOGOS
Agora a semana é decisiva para o futuro do Fluminense. Na quarta-feira, às 21h45, o time enfrenta o Flamengo no segundo jogo das quartas de final da Copa Sul-Americana, novamente no Maracanã. No sábado, às 19 horas, joga com o Botafogo no Nilton Santos, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Já o Bahia tem tempo para trabalhar e só volta a campo no domingo, às 18 horas, contra a Ponte Preta na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).
Compartilhar no Google Plus
    Comentar com o Site
    Comentar com o Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Copyright © Roteiro Notícias - Guarantã do Norte e Região
Rua Natal, 550 – Jardim Vitória – Guarantã do Norte - MT
Email: celioroteiro2009@hotmail.com - Fone: (66) 9604 - 2681
Todo material deste site pode ser reproduzido ou editado desde que citada a fonte: Roteiro Notícias
WEBSITE DESENVOLVIDO POR:

Tenha um site!