Publicidade 1
Publicidade 1

JBS suspende produção em 10 unidades de Mato Grosso

Carne no frigorifico 20 - Março 2017 (assessoria) / O grupo JBS anunciou que vai suspender a produção de carne bovina em 33 das 36 unidades que a empresa mantém no país. Em Mato Grosso, 10 unidades das 11 existentes ficarão fechadas. A medida é decorrente da operação Carne Fraca, deflagrada pela Polícia Federal.
A empresa informou que irá operar em todas as suas unidades com uma redução de 35% da sua capacidade produtiva a partir da próxima semana. O objetivo é ajustar a produção até que se tenha uma definição referente aos embargos impostos pelos países importadores da carne brasileira.
Após a divulgação da operação, os países da União Europeia, China, Coreia do Sul e Chile pediram ao governo brasileiro explicações quanto às investigações e anunciaram restrições temporárias à carne brasileira até que a situação seja esclarecida.
A suspensão temporária já havia sido comunicada às unidades de Mato Grosso na terça-feira (22). Hoje, Mato Grosso tem o maior rebanho bovino do país. São 3,030 milhões cabeças de gado livre de febre aftosa e o Estado ocupa posição de destaque no segmento de produção de proteína animal em âmbito nacional e internacional.
De acordo com a Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), não há como quantificar os reflexos da suspensão. “Inegavelmente, o caso é grave e nos causa grande preocupação porque, nesta ordem, envolve a segurança dos alimentos que são colocados nas mesas de nossas famílias, atinge toda a cadeia produtiva brasileira de produção de proteína animal, coloca em risco o emprego de milhões de empregados da indústria frigorífica e o sustento de outros tantos milhões de produtores rurais, sejam eles pequenos, médios ou grandes”, diz trecho da nota.
Ainda segundo a Acrimat, apesar do momento de instabilidade econômica, a expectativa é de que haja êxito por parte do setor industrial e do governo na negociação e certificação da qualidade da carne produzida no país. “As entidades discordam das empresas que utilizam o atual momento para manipular o mercado e pressionar o preço da arroba. A produção de carne em Mato Grosso, bem como em todo o Brasil, depende da parceria de todos os integrantes da cadeia produtiva”, diz trecho da nota.
Carne Fraca - A operação Carne Fraca foi deflagrada pela Polícia Federal no ultimo dia 17 e investiga fraudes em carnes produzidas por 21 frigoríficos, vendidas no Brasil e no exterior. Fiscais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), segundo a Polícia Federal, recebiam propina para liberar licenças sem realizar a fiscalização adequada nos frigoríficos.
A investigação indica que eram realizadas diversas irregularidades, como o uso de substâncias químicas para maquiar a carne vencida, e que água era injetada nos produtos para aumentar o peso.
Pelo menos 11 países suspenderam temporária e integralmente a importação de carne brasileira e seus derivados, após vir a público as suspeitas de irregularidades pontuais na fiscalização do setor. Já a União Europeia e outros três países optaram por embargar apenas as compras dos 21 frigoríficos alvos da operação.
Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), até a deflagração da operação policial, as carnes bovina, de frango e suína nacionais e seus derivados eram exportados para mais de 150 países. A média de embarque diário do Brasil para o exterior até então era de US$ 63 milhões. Quatro dias após a notícia da suspeita de que ao menos 21 frigoríficos podem ter colocado à venda carne adulterada e produtos irregulares, o total embarcado na última terça-feira (21) caiu a apenas US$ 74 mil.
Segundo o Mapa, até quarta-feira, os seguintes países tinham suspendido temporariamente ou desautorizado o desembarque de carne e produtos cárneos procedentes do Brasil: China; Chile; Egito; Argélia; Jamaica; Trinidad Tobago; Panamá; Catar; México e Bahamas, além de Hong Kong, que tem o status de Região Administrativa Especial da China.

Por Só Notícias/Agronotícias/Gazeta Digital (foto: assessoria/SNA)
Compartilhar no Google Plus
    Comentar com o Site
    Comentar com o Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Copyright © Roteiro Notícias - Guarantã do Norte e Região
Rua Natal, 550 – Jardim Vitória – Guarantã do Norte - MT
Email: celioroteiro2009@hotmail.com - Fone: (66) 9604 - 2681
Todo material deste site pode ser reproduzido ou editado desde que citada a fonte: Roteiro Notícias
WEBSITE DESENVOLVIDO POR:

Tenha um site!