Publicidade 1
Publicidade 1

Produtor vira destaque com seus pequi de 1,450 kg

O diferencial deste pequi é que é uma espécie que contém muita polpa.
Produtor vira destaque com seus pequi de 1,450 kg
Trabalhando com a plantação do pequi do Xingu, o Careca, como é conhecido o produtor Júlio Soares, possui sua chácara com 130 pés plantados com esse fruto carnudo que chega a pesar 1,450 kg cada um.
O diferencial deste pequi é que é uma espécie que contém muita polpa, além de ter um sabor diferenciado para quem aprecia o fruto que é típico do cerrado. A absorção deste tipo de pequi é mais rápido pelo organismo. E essa espécie de pequi já foi levado para o DF, Goiânia, Caldas Novas, Sinop e demais Lugares.
Em uma safra, Júlio consegue colher 14.400 frutos, com a lucratividade a intenção do produtor é ampliar a área para 300 pés.
"É um negócio lucrativo, um fruto apreciado e por vários estados, e para mim é uma grande satisfação trabalhar com essa produção" - Disse Júlio.
Júlio plantou os pés de pequi há 10 anos, e a produção começou há 5 anos, já que a árvore e leva em torno de 5 anos para dar o fruto.
"O meu sonho é criar uma cooperativa em são José do Xingu, para que este pequi possa ser processado e beneficiado aqui, como as conservas, como os pequis embalados à vácuo, licor de pequi, enfim, tudo que pode ser feito com o fruto", acrescentou o produtor.
Na pequena propriedade de 3.9 hectares, júlio aproveita bem o espaço que tem e é o único produtor de Galos índios Gigantes, são 250 galinhas e 25 galos (o galo para ser reprodutor precisa medir no mínimo 96 cm, adulto ele chega até 1,15, o maior já registrado foi no Goiás que chegou a medir 1,20 cm e o produtor chegou a ofertá-lo por R$30.000).
Júlio investe bastante na reprodução, fazendo com que cerca de 600 à 800 pintinhos sejam vendido por mês na região. Para fora do estado, os pintinhos já foram para São Paulo, Tocantins e Minas Gerais.
A lucratividade é boa de acordo com Júlio, mas ele prefere guardar segredo quanto a sua renda.
'' Eu troquei o leite pela produção de galinhas, a lucratividade, o manejo, enfim, uma série de fatores, que me fizeram tomar essa decisão há 8 anos e hoje estou bem satisfeito.''
Júlio é o exemplo de que a pequena propriedade, quando bem trabalhada pode ser lucrativa.

Compartilhar no Google Plus
    Comentar com o Site
    Comentar com o Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Copyright © Roteiro Notícias - Guarantã do Norte e Região
Rua Natal, 550 – Jardim Vitória – Guarantã do Norte - MT
Email: celioroteiro2009@hotmail.com - Fone: (66) 9604 - 2681
Todo material deste site pode ser reproduzido ou editado desde que citada a fonte: Roteiro Notícias
WEBSITE DESENVOLVIDO POR:

Tenha um site!