Publicidade 1
Publicidade 1

Indígenas fazem deputado refém e obtêm R$ 1 mi para reforma de balsa

Pedro Satelite
Deputado estadual Pedro Satélite durante entrevista após sessão na Assembleia
O deputado estadual Pedro Satélite (PSD) ficou detido como refém, sem violência, por cerca de 2h pelo cacique Raoni Metuktire, líder da etnia Caiapó, e mais 17 índios. A informação foi dada pelo próprio deputado na sessão matutina desta quarta (5).
A tribo, segundo Satélite, reivindica a reforma de uma balsa para realizar travessia do rio Xingu, no ponto em que o rio corta a MT-322. “Me levaram para cima da balsa e eles só me liberaram após eu garantir que conversaria com governo”, afirmou o social-democrata.
Diante disso, na sessão matutina desta quarta (5), os deputados aprovaram requerimento solicitando a liberação de R$ 1 milhão, por suplementação, por parte do governo estadual. “O Raoni queria que eu achasse uma solução porque eu era deputado”, explica o parlamentar dizendo também que ocorrido aconteceu há 20 dias.
O parlamentar explica que pousou na pista de São José do Xingú, quando foi abordado por vários índios. Questionado o que estaria fazendo na região, o deputado afirmou que estava ajudando na campanha do candidato de Peixoto de Azevedo, Rivaldo Rosa da Silva, o Careca da Van (PMDB). Os índios, no entanto, afirmaram que ele poderia fazer seu trabalho depois de ouvi-los. “O Raoni me pegou pelo braço e me levou até balsa”, salienta referindo-se que estava acompanhado pelo candidato derrotado de Peixoto de Azevedo, Careca da Van. Por Tarso Nunes/RD News
Sem previsão no orçamento do governo para a reforma da balsa, o deputado subiu na tribuna e cobrou os parlamentares acerca da aprovação da suplementação. Com a mensagem aprovada pelos parlamentares, o governador pode destinar o recurso para a reforma da balsa.
Em vídeo gravado pelo próprio deputado, Raoni solicita a ida do governador Pedro Taques até a aldeia para saber dos costumes e cultura do povo indígena.
A polêmica do pedido de uma nova balsa ocorre desde 2013, na gestão do ex-governador Silval Barbosa (PMDB). Em encontros entre o cacique e o governo Pedro Taques, Raoni já havia reivindicado melhorias no local. O gestor, por sua vez, afirmou que iria levantar em que fase está a solicitação para dar uma resposta às lideranças. Já a questão da parte da estrada que fica alagada, Taques disse que repassaria a demanda à secretaria estadual de Infraestrutura (Sinfra) para recuperá-la.
Outro lado
A Sinfra, por meio de assessoria, afirma como o requerimento foi feito hoje (5) pela Assembleia e precisa ser encaminhado para o Estado. Em relação à balsa será analisado internamente se existe alguma previsão de reforma ou uma nova.
Cacique Raoni pede a presença de Taques na aldeia


Compartilhar no Google Plus
    Comentar com o Site
    Comentar com o Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Copyright © Roteiro Notícias - Guarantã do Norte e Região
Rua Natal, 550 – Jardim Vitória – Guarantã do Norte - MT
Email: celioroteiro2009@hotmail.com - Fone: (66) 9604 - 2681
Todo material deste site pode ser reproduzido ou editado desde que citada a fonte: Roteiro Notícias
WEBSITE DESENVOLVIDO POR:

Tenha um site!