Publicidade 1
Publicidade 1

Trapalhadas da era Silval "travaram" retomada do Rodoanel, diz secretário

Marcelo afirma que o recurso para a obra que vai mudar a cara de Cuiabá já está na conta e, ainda neste mês, será dado início à licitação do trajeto de 52 km, avaliado em quase meio bilhão de reais

rodoanel
Secretário afirma que obras estão em fase licitatória
e pendências no TCU e DNIT já foram sanadas
Uma licitação mal feita e cheia de irregularidades pelo Governo do Estado, durante a gestão de Silval Barbosa (PMDB), foi o maior impecilho para que a obra do Rodoanel de Cuiabá pudesse ser retomada e se tornasse alvo de questionamentos pelo Tribunal de Contas da União (TCU).
A afirmação é do secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo Duarte, que disse ser “impossível” para a atual administração aproveitar a licitação realizada anteriormente. O secretário garantiu que o Governo Pedro Taques (PSDB) vai retomar a obra, idealizada pelo ex-prefeito Wilson Santos, e que é considerada essencial para a melhoria da mobilidade urbana da Capital
“No aspecto da questão jurídica, eu tenho certeza que Wilson, na hora certa, irá mostrar que os erros que aconteceram foram técnicos, questões a que o gestor está sujeito. Mas, não é isso que está impedindo a retomada da obra agora. O que impediu a retomada do Rodoanel foram as trapalhadas do Governo anterior, na gestão de Silval Barbosa, e problemas com a Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo (Secopa). Fizeram uma licitação completamente errada, que quase botou a perder R$ 100 milhões em recursos que estão em conta”, disse Duarte.
De acordo com o secretário, as obras estão em fase licitatória e todas as pendências junto ao TCU e ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) já foram sanadas.
“O Rodoanel vai mudar a cara de Cuiabá. É um projeto de 52 quilômetros, estimado em quase meio bilhão de reais. O projeto contempla a entrada de Cuiabá, tendo como origem a Região Norte (pela BR -163), cruzando a Ponte Nova, Avenida do CPA e Coxipó, até o Sinuelo, na BR-364. O recurso está em conta e, ainda neste mês, daremos início à licitação. A obra será executada em etapas”, explicou.
Mauro e Taques
Marcelo Duarte afirmou também que tem um apreço pelo trabalho realizado pelo prefeito Mauro Mendes (PSB) e sua equipe. Esse trabalho, segundo ele, terá um papel de grande importância em eventual gestão de Wilson Santos no Palácio Alencastro, caso seja eleito, principalmente em razão do alinhamento com o governador Pedro Taques. “O alinhamento com o Governo do Estado é fundamental. Tenho uma admiração pela equipe e por Mauro Mendes, e a sintonia da Prefeitura com o Governo do Estado é chave para que a gente avance. As minhas conversas com o Thiago França [secretário de Mobilidade Urbana] e com o Marcelo Padeiro [ex-secretário de Obras] são constantes. E eu tenho certeza que isso tem contribuído muito para avançarmos em obras que já estavam desacreditadas”, disse. (Com Assessoria)
Compartilhar no Google Plus
    Comentar com o Site
    Comentar com o Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Copyright © Roteiro Notícias - Guarantã do Norte e Região
Rua Natal, 550 – Jardim Vitória – Guarantã do Norte - MT
Email: celioroteiro2009@hotmail.com - Fone: (66) 9604 - 2681
Todo material deste site pode ser reproduzido ou editado desde que citada a fonte: Roteiro Notícias
WEBSITE DESENVOLVIDO POR:

Tenha um site!