Publicidade 1
Publicidade 1

Advogado de Guarantã do Norte consegue liberdade para acusados da Operação Rios Voadores

Resultado de imagem para operação rios voadoresNo mês de junho o Ibama, a Polícia Federal, o Ministério Público Federal e a Receita Federal realizaram a Operação Rios Voadores, contra uma organização acusada em especialização no desmatamento ilegal e na grilagem de terras públicas. Na época a operação envolveu 95 policias federais, além de auditores da Receita Federal, 32 analistas do Ibama e duas aeronaves

Foram expedidos pela Justiça Federal de Altamira 52 medidas judiciais: 24 mandados de prisão preventiva, 9 mandados de condução coercitiva e 19 mandados de busca e apreensão em municípios do Pará (Altamira, Anapu e Novo Progresso), de São Paulo (Araçatuba, Itápolis, Presidente Prudente, Sandovalina e São Paulo), de Mato Grosso (Alta Floresta, Barra do Garças, Cuiabá, Guarantã do Norte, Peixoto de Azevedo, Porto Alegre do Norte, Rondonópolis, Sinop e Sorriso), de Mato Grosso do Sul (Ponta Porã) e de Santa Catarina (São José).


Em Guarantã do Norte duas pessoas foram presas pela operação e se encontravam encarceradas desde a operação. Na última quarta-feira (14/09) o advogado Dr. Pedro Henrique Gonçalves, que advoga para os dois acusados entrou com o habeas corpus, no Tribunal Regional Federal –TRF de Brasília e conseguiu a liberdade, de seus clientes e com isso ambos já estão gozando a liberdade. 
Por Célio Ribeiro/Roteiro Noticias
Compartilhar no Google Plus
    Comentar com o Site
    Comentar com o Facebook

7 comentários :

  1. E o quê que eu tenho a ver com isso ??? Pelo menos me fale os nomes dos 2 envolvidos de Gtã !!

    ResponderExcluir
  2. E o quê que eu tenho a ver com isso ??? Pelo menos me fale os nomes dos 2 envolvidos de Gtã !!

    ResponderExcluir
  3. verdade só fala nome do Advogado mas dos acusados a população precisa saber quem são aos Grileiros de terras da união vc teria coragem de colocar o nomes dos autores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As duas pessoas liberadas são funcionários do SUSPOSTO grileiro de terra. Portanto não são bandidos são trabalhadores, moradores antigos de Guarantã e muito queridos no comércio em geral.

      Excluir
  4. kkkkk... Calma aí, preciso parar de rir... kkkk... SITE VIROU EMPRESA DE MARKETING? FAZENDO PROPAGANDA AO ADVOGADO? E AINDA POR CIMA, EM TOM COMEMORATIVO NA LIBERDADE PROVISÓRIO DE BANDIDOS? AONDE É QUE CHEGOU A CATEGORIA DO SITE!!! KKKK

    ResponderExcluir
  5. ficou feio a reportagem, sem nexo sem nome dos envolvidos e deu um tom de propaganda e comemorativo. melhorar

    ResponderExcluir
  6. Infelizmente, moramos em nossa bela Cidade Guarantã do Norte, onde os os jornalecos, quer sejam online ou não, nunca declinam os nomes dos criminosos presos pela Polícia ou soltos pela Justiça. A se fosse um Político de um certo partido, seus nomes sairiam garrafais, mas nomes de bandidos não podem serem expostos. Deve haver um motivo muito convincente para que isso ocorra. Agora o nome do Advogado saiu em letra graúdas e grafitada. Isso deve acabar, certamente no futuro haverá de aparecer jornais e jornalistas que realmente exerçam suas funções com imparcialidade, respeito ao leitor e dignidade.

    ResponderExcluir

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Copyright © Roteiro Notícias - Guarantã do Norte e Região
Rua Natal, 550 – Jardim Vitória – Guarantã do Norte - MT
Email: celioroteiro2009@hotmail.com - Fone: (66) 9604 - 2681
Todo material deste site pode ser reproduzido ou editado desde que citada a fonte: Roteiro Notícias
WEBSITE DESENVOLVIDO POR:

Tenha um site!