Publicidade 1
Publicidade 1

Irmão do governador briga em bar e teria ameaçado envolvidos de morte

Durante briga generalizada no Restaurante Casa do Cupim, no bairro Jardim Flaboyant, em Cuiabá, o irmão do governador Pedro Taques (PSDB), Jorge Ribeiro Taques Neto, ameaçou de morte os envolvidos e disse que “iria pegar um por um”, reforçando ser irmão do governador.
Várias pessoas da família Taques estavam no local. Alguns envolvidos foram levados à Central de Flagrantes e outros  dois no hospital por conta de ferimentos.
Conforme o boletim de ocorrência, a confusão começou por volta de meia noite, e quando os clientes iniciaram os xingamentos e insultos, os funcionários revidaram e partiram para as vias de fato. No registro ainda consta que o circuito interno do local gravou toda a situação. 
Facebook
jorge ribeiro taques neto.jpg
Irmão do governador Pedro Taques, Jorge R. Taques, chegou a apanhar no local
O gerente do local disse que dois homens, identificados como Danilo Junior da Costa e Jorge Ribeiro Taques Neto, começaram a discutir com seus funcionários na hora do pagamento. “Eles inclusive ameaçaram de morte”, disse o gerente.
 Mesmo na frente da polícia, o gerente relatou que Jorge e Danilo continuaram a discussão e Jorge ressaltava a todo tempo que seria irmão do governador Pedro Taques e por isso iria "pegar um por um".
 Já os clientes contaram uma segunda versão da história. No momento do pagamento, um funcionário teria jogado a máquina de cartão sobre a mesa e isso teria enfurecido todos que estavam ali.
“Depois dessa discussão eles partiram para uma briga mais intensa, chegando a ter vias de fato. O senhor Jorge chegou a ser lesionado com um objeto de madeira e Danilo atingido com socos e pontapés, já na parte de fora do estabelecimento. O senhor Jorge, uma moça identificada como Letícia Mariane Almeida Ribeiro Taques, 22, e Danilo Junior da Costa, 21, foram primeiro para o hospital, para tratar dos ferimentos”, disse o oficial de área que atendeu a ocorrência.
Também estavam no local Leticia Mariane Almeida Ribeiro Taques, Mario Junior de Paula Babetzki,  Marcelo Francisco Rosa Borges, Weverton Alexander dos Santos, Wellinton Antonio da Silva, Ana Virginia Lorena Almeida Ribeiro Taques, Lindalva Rodrigues da Silva e como testemunha Gustavo Daalbuquerque Pires.
 Ainda segundo a polícia, várias mesas e cadeiras foram quebradas, porém os funcionários do local não ficaram feridos. Na delegacia, todos assinaram Termo Circunstanciado de Ocorrência e foram liberados. Houve confirmação de que o governador tem um irmão chamado Jorge Ribeiro Taques. A assessoria do governador não confirma se a pessoa envolvida é de fato o irmão do governador.
 O caso deverá ser encaminhado ao Juizado de Pequenas Causas, onde as partes devem entrar em um acordo, via juiz. 
Outro lado
Procurado pelo , o Gabinete de Comunicação do Estado (Gcom) não comentou o caso.
Por Bárbara Sá
Rdnews
bo imao pedro taques bar briga.jpeg
 Boletim de ocorrência referente a briga generalizada referente ao dia de ontem quando homem teria ameaçado funcionários dizendo ser irmão do governador 
Compartilhar no Google Plus
    Comentar com o Site
    Comentar com o Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

Comentários são de responsabilidade se seus autores

Copyright © Roteiro Notícias - Guarantã do Norte e Região
Rua Natal, 550 – Jardim Vitória – Guarantã do Norte - MT
Email: celioroteiro2009@hotmail.com - Fone: (66) 9604 - 2681
Todo material deste site pode ser reproduzido ou editado desde que citada a fonte: Roteiro Notícias
WEBSITE DESENVOLVIDO POR:

Tenha um site!